Desigualdades em Saúde e Educação no Brasil
Introdução
 
Medidas de bem-estar da população vêm sendo crescentemente adotadas pela comunidade científica, organizações internacionais e policy-makers para medir o grau de desenvolvimento dos países. Estas iniciativas derivam do reconhecimento de que o PIB e a renda são indicadores importantes, porém insuficientes para avaliar a qualidade de vida dos cidadãos. A trajetória de dimensões relevantes do bem-estar dos indivíduos, tais como saúde, educação, condições urbanas, não seria assim um subproduto direto da renda e da riqueza nacionais; diferentemente, seriam afetadas pela trajetória das políticas públicas. Grande parte destes indicadores, contudo, é de escopo nacional, o que impede a mensuração de desigualdades internas aos países. Os Índices de Desempenho da Saúde e da Educação no Brasil mapeiam desigualdades territoriais na qualidade da saúde e da educação no Brasil. Seu principal objetivo é oferecer medidas abrangentes e desagregadas das condições de saúde e educação no Brasil.
 
O estudo observa dimensões qualitativamente distintas das condições de saúde (oito dimensões) e de educação (dez) em cada município brasileiro para a décadas de 2000 e 2010. As informações permitem comparar o desempenho de cada município em relação aos demais em cada um dos indicadores bem como o desempenho de cada município em um conjunto abrangente de dimensões de cada uma destas políticas. O estudo permite ainda avaliar a trajetória de cada indicador e de cada município ao longo da década. 
 
O resultado deste trabalho consolida avanços e, como modelo, oferece um painel de acompanhamento, avaliação e controle do desempenho de duas políticas centrais para o bem-estar dos cidadãos. Renova ainda o compromisso do Centro de Estudos da Metrópole com a sociedade quanto à transferência de  conhecimento sob a forma de novas tecnologias, indicadores ou metodologias, subsidiando os processos políticos e sociais que envolvem as políticas públicas.
 
 
 
Equipe
Marta Arretche – Coordenação
Sandra Gomes Vaughan – Pesquisadora
Edgard Fusaro – Estatístico
Ximena I. León Contrera e Said Bichara - Versão web
 
Atualização:
Atenção este estudo atualizado em 19/10/2016
Licença Creative Commons
Este site do Centro de Estudos da Metrópole está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional
Podem estar disponíveis autorizações adicionais às concedidas no âmbito desta licença em http://centrodametropole.org.br/