Pedro Rolo Benettii


Resumo

Bacharel em Relações Internacionais pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (2008), mestre em Ciência Política pelo Instituto de Estudos Sociais e Políticos (IESP-UERJ) (2011) e doutor pela mesma instituição (2017). De fevereiro a setembro de 2013 prestou consultoria à Secretaria Especial de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH-PR), em projeto sobre o "direito à não-repetição". Entre outubro de 2013 e abril de 2014, foi bolsista sanduíche da CAPES em estágio doutoral realizado na universidade Sorbonne Nouvelle - Paris III. Ao retornar foi escolhido como bolsista nota 10 da FAPERJ pelo programa de doutorado em ciência política do IESP. Entre agosto de 2014 e maio de 2015 foi analista de pesquisa da Comissão Nacional da Verdade (CNV) e de junho a dezembro de 2015 foi pesquisador do Instituto de Políticas Públicas em Direitos Humanos do Mercosul (IPPDH), com sede em Buenos Aires. Entre março e junho de 2016 trabalhou como entrevistador do Comitê Internacional da Cruz Vermelha junto à familiares de desaparecidos políticos do regime militar brasileiro e posteriormente na Comissão Especial sobre Mortos e Desaparecidos Políticos (CEMDP), onde trabalhou no processo de busca e identificação de desaparecidos políticos no estado do Rio de Janeiro. Depois de experiência docente como professor do Instituto de Filosofia e Ciências Sociais da UFRJ e do curso de Relações Internacionais do Centro Universitário LaSalle - RJ, assumiu o posto de pesquisador do Núcleo de Estudos da Violência da USP, com bolsa de pós-doutorado da FAPESP.

Artigos completos publicados em periódicos

  • Excessos, exceção e ordem: entraves para a construção democrática pós-transição. ESTUDOS IBERO-AMERICANOS (PUCRS. IMPRESSO), v. 45, p. 4 - 23, 2019.
  • BENETTI, PEDRO ROLO ; CATEB, CAIO ; FRANCO, PAULA ; OSMO, CARLA As políticas de memória, verdade, justiça e reparação no primeiro ano do governo Bolsonaro: entre a negação e o desmonte | The politics of memory, truth, justice and reparation in the first year of the Bolsonaro government: between denial and dismantling. REVISTA MURAL INTERNACIONAL, v. 11, p. e48060 - 20, 2020.
  • Guerra e tradição: os argumentos conservadores em defesa das instituições armadas do Estado brasileiro no período 1964-1988. Cuadernos del Ciesal, v. 14, p. 25 - 49, 2017.

Capítulos publicados

  • A viagem redonda do militarismo brasileiro na Nova República. A Nova República em crise, v. , p. 107 - 129, 2020.
  • Guerrilha do Araguaia: as ações do Estado brasileiro no resgate da verdade sobre os desaparecimentos forçados. Violência de Estado na América Latina, v. , p. 289 - 313, 2019.