Faculdade e Consulado Geral da Irlanda renovam acordo de cooperação

Vigente desde 2009, o convênio tem o intuito de promover o ensino e a pesquisa relacionados à cultura irlandesa na USP, ações desenvolvidas, principalmente, pelas atividades da Cátedra de Estudos Irlandeses W.B. Yeats
Por
Eliete Viana
Data de Publicação
Editoria
Institucional
Notícias


 

assinatura
(Da esq. p/ dir.) Momento da renovação do convênio assinado pelo cônsul-geral da Irlanda em São Paulo, Barry Tumelty; a diretora da FFLCH, Maria Arminda do Nascimento Arruda; e o presidente da Aucani, Raul Machado Neto - Foto: Enrico Pietraroia / Comunicação Aucani


A USP, por intermédio da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH), e o Consulado Geral da Irlanda em São Paulo renovaram o acordo de cooperação acadêmica existente entre as instituições desde 2009. A assinatura foi realizada no dia 26 de novembro, no prédio da Agência USP de Cooperação Acadêmica Nacional e Internacional (Aucani), na Cidade Universitária, em São Paulo.

O convênio tem o intuito de promover o ensino e a pesquisa da literatura, história, política, ciências sociais, cinema, música e cultura irlandesas na USP, ações que são desenvolvidas no âmbito do Departamento de Letras Modernas da FFLCH e através das atividades da Cátedra de Estudos Irlandeses William Butler Yeats, sediada também na Faculdade.

Participaram da cerimônia de assinatura o cônsul-geral da Irlanda em São Paulo, Barry Tumelty; a diretora da FFLCH, Maria Arminda do Nascimento Arruda; pela Aucani, participaram o presidente, Raul Machado Neto; o diretor-adjunto de Relações Acadêmicas Internacionais, Valmor Alberto Augusto Tricoli; e a diretora-adjunta de Relações Nacionais, Laura Patricia Zuntini de Izarra, que também é a coordenadora da Cátedra.

Acordo

Entre os compromissos da Universidade no acordo estão manter o ensino de Estudos Irlandeses em seus cursos acadêmicos, que são desenvolvidos pela FFLCH; organizar os eventos relacionados à investigação, à promoção e à disseminação de Estudos Irlandeses, como conferências, seminários, congressos, mesas-redondas, exposições; receber professores visitantes da Irlanda e do Brasil cujas especialidades promovam Literatura e Cultura Irlandesas, que serão nomeados pela Cátedra. E o Consulado compromete-se a custear os valores para financiar as atividades acordadas no plano de trabalho.

O plano de trabalho proposto para o período 2018-2019 compreende a realização de eventos e cursos, apoia para bolsas e publicações. Este acordo tem vigência de um ano, com a possibilidade de extensão por um período de três anos.

Os eventos planejados são a abertura da Cátedra, realizada em março, e a co-organização do Simpósio de Estudos Irlandeses na América do Sul junto à Associação Brasileira de Estudos Irlandeses (ABEI).

Os cursos são os de extensão universitária com a participação de pós-graduandos do Programa de Estudos Linguísticos e Literários em Inglês do Departamento de Letras Modernas da FFLCH e também de professores especialistas convidados de outras universidades brasileiras ou estrangeiras que se encontram no Brasil; além de curso de Pós-Graduação com professor visitante de universidade estrangeira.

As bolsas são destinadas aos pós-graduandos participarem de congressos, aos pesquisadores pós-doc associados à Cátedra durante o período de sua pesquisa; e estágios temporários que darão apoia às atividades organizacionais. E também está previsto o apoio às publicações da Lectures, realizada anualmente, publicações monográficas e traduções de textos irlandeses; exposições, catálogos e cartazes para divulgação de eventos.
 

encontro para assinatura
(Em sentido horário) Participaram da cerimônia de assinatura a diretora da FFLCH, o presidente da Aucani; o diretor-adjunto de Relações Acadêmicas Internacionais, Valmor Alberto Augusto Tricoli; o cônsul-geral da Irlanda em São Paulo; e a diretora-adjunta de Relações Nacionais, Laura Patricia Zuntini de Izarra, que também é a coordenadora da Cátedra - Foto: Enrico Pietraroia / Comunicação Aucani


Cátedra

Em 29 de setembro de 2009, foi assinado o acordo para a criação da Cátedra com o intuito de promover a cooperação acadêmica entre a Embaixada da Irlanda e a USP. Este convênio já foi renovado duas vezes, em 2012 e 2015.

Desde então, a Cátedra recebeu visitas e contou com a participação de autoridades da Irlanda em muitos dos seus eventos, como a do presidente do país, Michael D. Higgins, que esteve na Universidade para renovação do convênio, em 8 de outubro de 2012. Outras duas visitas ilustres que pode-se destacar é a presença da ministra da Educação, Jan O’Sullivan, em 17 de março de 2015, e a do ministro de Treinamento, Habilidades e Inovação da Irlanda, John Halligan, para participar da abertura das atividades da Cátedra naquele ano, realizada em 17 de março de 2017.