Lançamento do Livro "A Amizade em O Senhor dos Anéis"

Início do evento
Final do evento
E-mail contato
cristina.cf@gmail.com
Telefone Contato
(11) 3814-5811
Docente responsável
Maria Zilda da Cunha
Local
LIVRARIA DA VILA - Rua Fradique Coutinho, 915 - Vila Madalena - São Paulo SP
O evento será gratuito ou pago?
gratuito
É necessário fazer inscrição?
Sem inscrição prévia
Emissão de certificado
Não
Participação de docente(s) estrangeiro(s)?
Não
Descrição

A Respeito do lançamento do livro “A Amizade em o Senhor dos Anéis”

“A presença dos amigos é essencial para que o final feliz ocorra, assim como a inimizade é a maior responsável pelo fracasso do Mal, pois ele mesmo se autodestrói.”
Estudar sobre a amizade em O Senhor dos Anéis surgiu do desejo de fazer um trabalho pautado pelos valores éticos e nobres. E era de suma importância que este trabalho tivesse uma aplicação prática e edificante na vida de qualquer pessoa. A obra de J.R.R. Tolkien é um prato cheio para isso: além de ser atraente e profunda, traz valores extremamente necessários para nossa felicidade.
Aqui aprendemos que a confiança no outro, o espírito de serviço e a comunhão são escolhas, muitas vezes, dolorosas, mas mais fortes que a vaidade, a ganância e o poder.
O livro é fruto de dissertação de mestrado defendida em 24.0.2017 pela autora e pesquisadora do Programa de Pós-Graduação em Estudos Comparados das Literaturas de Língua Portuguesa, da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP, tendo sido orientadora a professora Maria Zilda da Cunha.
Chama a atenção o fato de uma obra como O Senhor dos Anéis, de J. R. R. Tolkien, envolver não apenas um herói, mas muitos personagens com um objetivo comum: a destruição do Anel do Poder. Eles criam laços e revelam sentimentos que nós encontramos no dia a dia, na jornada de nossa vida: se tornam amigos. Este projeto busca analisar como a amizade na obra tolkieniana colabora para o desenvolvimento de seus personagens, bem como contribui para o sucesso de seu objetivo final. Para tanto, tomaremos como base teórica o livro Ética a Nicômaco de Aristóteles, obra que se propõe essencialmente a estudar a felicidade, ou seja, o bem último do homem (eudaimonía). Ao aniquilarem o Anel, os heróis da saga tolkieniana realizam seu grande desejo, e ocorre então o que Tolkien chama de eucatástrofe, o final feliz, essencial nas histórias de fada. Ainda no pensamento aristotélico, a amizade seria tanto um sintoma da felicidade do ser humano quanto uma necessidade para que ele alcance essa realização plena. Por conta de Tolkien ter o seu entendimento de imaginário baseado, entre outras questões, no pensamento religioso, buscaremos também apoio na teologia, especialmente na Suma Teológica de São Tomás de Aquino, enxergando, na amizade, uma relação direta com a caridade cristã. Por entendermos que, na contemporaneidade, a centralidade do livro dá espaço para outras produções artísticas, nos apoiaremos também nas adaptações fílmicas de O Senhor dos Anéis, dirigidas pelo neozelandês Peter Jackson. Tal análise comparativa visa trazer mais elementos para o estudo sobre a amizade na narrativa de Tolkien, visto que o homem contemporâneo, especialmente o jovem, se mostra, cada vez mais, apoiado no universo do audiovisual, muitas vezes partindo dele para o da literatura. Acreditamos que nosso projeto chega em boa hora, visto que tanto o livro quanto o filme em questão envolvem e fascinam seu público leitor e espectador, contribuindo para a formação de seu pensamento ético e de seu caráter, servindo de referência a muitas obras do gênero fantasia, em diversas plataformas.

fonte:
http://martinclaret.com.br/
http://www.teses.usp.br/

Imagem
A Amizade em O Senhor dos Anéis