Podcast destaca papel transformador de uma obra literária na vida das pessoas

A cada episódio, um convidado contará sobre a sua leitura de uma obra da literatura francesa que tenha lhe marcado. A iniciativa é um projeto dos alunos e pesquisadores do Programa de Pós-graduação em Letras Estrangeiras e Tradução da FFLCH da USP
Por
Eliete Viana
Data de Publicação
Editoria

 

 

Quem gosta de literatura sempre tem um livro que marcou a sua trajetória de vida. Para destacar a importância da literatura e difundir a literatura francesa, foi criado o podcast As Madalenas, que é um projeto de difusão de literatura idealizado e realizado por alunos e pesquisadores do Programa de Pós-graduação em Letras Estrangeiras e Tradução (LETRA) da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH) da USP.

A ideia surgiu no ano passado, quando os alunos de pós-graduação e pesquisadores de pós-doutorado do Programa chamaram a atenção para o fato de que não existiam muitos podcasts de literatura no país e que, aqueles que existiam, tinham ou um perfil muito introdutório ou muito acadêmico. 

“Era necessário criar um podcast que fosse sério, que se apoiasse em pesquisa bibliográfica (e não em dados tirados de wikipédia) e que ao mesmo tempo fosse leve e acessível para a comunidade geral”, explica a professora Claudia Pino, que também é coordenadora do LETRA. 

O podcast tem como objetivo entrevistar os alunos de pós-graduação sobre as obras que eles estudam, mas a partir da experiência pessoal de leitura dessas obras. Esse enfoque permite que os entrevistados contem um pouco da vida deles, das suas desilusões e de seus ideais, e do papel transformador de uma obra literária determinada nesse contexto. 

Em busca do tempo perdido

O nome As Madalenas é inspirado no romance Em busca do tempo perdido, de Marcel Proust. Madalena é o nome de um bolinho de pão de ló, que o protagonista come no início do romance e que serve de estopim para que ele relembre e reconstrua toda a sua vida. Então, no podcast a obra literária é um bolinho, que permite que o entrevistado relembre também as suas experiências mais importantes.

O primeiro episódio do podcast já está no ar. E, por toda a inspiração do nome, a primeira conversa não poderia deixar de abordar a obra Em busca do tempo perdido, com a participação de Fillipe Mauro. O convidado é doutorando em Literatura Francesa na FFLCH, em cotutela com a Universidade de Paris III - Sorbonne Nouvelle. Ele realiza pesquisa sobre a influência de Marcel Proust em autores memorialistas brasileiros, como Jorge Andrade, Pedro Nava e Cyro dos Anjos. E também se interessa pela presença do estilo proustiano em textos da imprensa brasileira, especialmente retratos literários e perfis jornalísticos.

Os dois próximos já estão programados. O segundo episódio será sobre o livro A Peste, de Albert Camus, com Raphael Araújo; e o seguinte será sobre Ligações Perigosas, de Choderlos de Laclos, com Thaís Chauvel. Os convidados fizeram, respectivamente, doutorado e mestrado pelo Programa de Pós-graduação em Letras Estrangeiras e Tradução (LETRA). 

Os episódios do podcast serão mensais e disponibilizados nas seguintes plataformas de streaming:  
Spotify: https://spoti.fi/2XPAmUr 
CastBox: https://bit.ly/3clalA3 
Soundcloud: https://soundcloud.com/as-madalenas-podcast/episodio-1

Mais informações sobre o podcast As Madalenas (@asmadalenas.podcast) podem ser conferidas pelo instagram: https://instagram.com/asmadalenas.podcast?igshid=1xnbqy7a8tntw